Associação de Cegos do RS expõe demandas para João Derly

Associação de Cegos do RS expõe demandas para João Derly

Conhecido pela sua preocupação com a inclusão, o candidato a prefeito pelo Republicanos, João Derly, foi recebido pelo presidente da Associação de Cegos do Rio Grande do Sul, Gilberto Kemmer, para ouvir as demandas da instituição. O encontro ocorreu na manhã dessa segunda-feira, 05, na sede da entidade.

Segundo o presidente, a Associação vem sendo deixada de lado pelo poder público nos últimos anos. Faltam investimentos, políticas públicas de inclusão e preocupação com as reivindicações dessa parcela da população. “O que se viu foi um desmonte. Viraram as costas para acessibilidade de Porto Alegre, haja vista o fechamento da Secretaria, que era um serviço bem inicial, mas não deixava de ser importante. Aqui temos essa carência. Acabaram criando diretorias que pouco ou quase nada fazem por nós”, relatou.

Kemer citou o fato de estar prevista, em um dos trechos de revitalização da Orla do Guaíba, a construção de 27 quadras e nenhuma delas é destinada ao paradesporto. “As crianças também ficam à margem porque não temos políticas públicas para aquelas com deficiência nas escolas. Chega a aula de educação e mandam elas descasarem. É triste. Além disso, temos muitas demandas sem solução. Questões muitos sérias, especialmente para pessoas que tem dificuldade de mobilidade, que sofrem com quedas que provocam lesões graves, muitas vezes”, explicou.

João Derly revelou que seu Plano Governo tem muitos enfoques na inclusão, porque ele e o Republicanos têm essa preocupação. “Além da criação da Secretaria da Acessibilidade e do Idoso, teremos o Centro de Referência de Idosos e das Pessoas com Deficiência. Jamais teremos um olhar discriminatório. Quem não vive a dificuldade da Pessoa com Deficiência tem que ter empatia. Empreendimentos não podem ser liberados sem serem acessíveis para todos”, destacou o candidato. “O diálogo será marca forte da nossa gestão”, finalizou.

shares
× Fale comigo no WhatsApp!